Vivienne Westwood

Primavera/Verão 2012 – Maquiagem estonteante, cabelos esculpidos e colares exagerados só podiam significar uma coisa: é um desfile de Vivienne Westwood Red Label. Westwood esteve mais rebelde que nunca, mostrando seu tartan em saias, calças e jaquetas no estilo punk que conhecemos bem. Sua costura esperta garantiu tops, vestidos com capuzes e calças com dobras no cavalo, modelo muito carismático na coleção masculina. A masculinidade, no entanto, não durou muito. Graças às barras assimétricas, as roupas mostravam fragmentos de pele, amarrando-se ao redor da cintura com laços ou cintos e combinando com decotes profundos ou belas blusas brancas. Vestidos gregos na altura dos joelhos, calças cigarette de cetim preto e o final, com o vestido de gala de tule e o vestido dourado  com aspecto de papel alumínio, resumiram a variedade de tecidos e camadas utilizados. Vivienne Westwood continua mais controversa e única que nunca.

Zoe Garton

Written by Zoe Garton

Zoe Garton was one of the first contributors to the Catwalk Yourself project. She has a fervour for fashion and graduated with a BA (Hons) in History at University College London. Zoe is responsible for our Ready-to-Wear and Haute Couture sections.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>