Christian Dior

Primavera/Verão 2011 – O Pacífico-Sul esteve presente neste desfile ilustre. Primeiro, veio a marinheira sensual. A modelo que abriu o desfile vestia um chapéu de marinheira branco com uma parka na mesma cor. Os casacos foram peças fundamentais. Um casaco de couro bronze, uma jaqueta de camurça e outra navy foram colocados sobre vestidos vazados e atrevidos. Estes vestidos se enquadravam num tema havaiano. Palmeiras e grandes flores apareceram em vestidos cavados. Os vestidos de verão vieram em laranja, turquesa, verde e roxo. Os acessórios eram tipicamente “Hula Hula”: divertidos colares de flores com faixas na cintura combinando. Barras no estilo ra-ra faziam fronteiras engraçadas com as meias-calças e calças amplas tipo navy que confirmavam que a década de 1970 estava mesmo presente. Os maravilhosos vestidos de festa vieram em seguida. Chiffons suaves e desenhos ultracoloridos fizeram com que os vestidos personificassem flores desabrochando. Um idílico maxivestido azul capturou o espírito do Oceano Pacífico. Tomando toda a passarela, o vestido evocava o mar de um azul límpido num dia ensolarado. Era impossível ignorar as plataformas enfeitadas que se exibiam na passarela. Elas conseguiram capturar a vibração da coleção de Galliano.

Zoe Garton

Written by Zoe Garton

Zoe Garton was one of the first contributors to the Catwalk Yourself project. She has a fervour for fashion and graduated with a BA (Hons) in History at University College London. Zoe is responsible for our Ready-to-Wear and Haute Couture sections.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>