Dries Van Noten

Outono/Inverno 2012-13 – Um casamento improvável entre Frank Zappa e Oscar Wilde; esqueça que eles são de épocas diferentes e quase de mundos diferentes, mas essa coleção é a prova de que os opostos se atraem. Dries Van Noten  quis criar um clima mais leve com seus looks e ao mesmo tempo se manter fiel aos fundamentos do “dandy” histórico. Ao mostrar ternos de corte clássico e camisas de gola alta, completar com cachecóis de seda, substituindo a gravata, ele conseguiu exatamente isso. O foco em estampas desenhadas a mão ao invés de digitais, deram à coleção certa inocência, e os sapatos rasteiros mantiveram a elegância viva. As notas do rock psicodélico não deixaram de estar nas cores brilhantes das estampas, nos jeans encerados, calças skinny levemente curtas, veludos, malhas de linha e jaquetas slim-fit. Foi um sucesso trazer um pouco de diversão de volta a uma época de austeridade.

Jemma De Blanche

Written by Jemma De Blanche

Jemma De Blanche is a fashion and lifestyle journalist with a background in marketing and copy-writing, is in awe of all things creative and loves getting lost in a good book, a beautiful picture or the creativity of new collection. Jemma handles the Fashion in Film pages and the Men's catwalk reviews.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>