Armani Privé

Primavera/Verão 2011 – Alguns poderiam dizer que a coleção sucumbiu ao efeito Gaga. As linhas e curvas futuristas em brilhos metálico e sintético e as cores envernizadas escancaravam o futurismo. Sem falar nos chapéus que lembravam naves espaciais, em clara homenagem à ficção científica. Tons metálicos, azul escuro e vermelho abriram o desfile antes dos azuis, vermelhos, verdes e brancos-seda mais suaveis brilharem para a plateia. Calças retas foram combinadas com corpetes metálicos cortados e curvos de maneira a ressaltar a cintura. Saias tinham formato lápis, mas desdobravam-se ao redor do quadril com depressões costuradas como bolsos e, junto com os tecidos sintéticos high-tech, as saias personificavam o clima futurista. As listras nos corpetes com efeito molhado corroboravam com a aparência extraterreste. Este foi o tema que percorreu todo o desfile, graças aos tecidos iridescentes e os feixes metálicos costurados nos tecidos.

Zoe Garton

Written by Zoe Garton

Zoe Garton was one of the first contributors to the Catwalk Yourself project. She has a fervour for fashion and graduated with a BA (Hons) in History at University College London. Zoe is responsible for our Ready-to-Wear and Haute Couture sections.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>