Armani Privé

Primavera/Verão 2010 – Se não foram as roupas moldadas em prata crescente que confirmaram o tema, certamente foi a Lua Crescente estampada no backdrop. A coleção inteira foi dedicada ao prateada, aos tons de rosa sutis, ao preto e ao metálico, além de pitadas de azul royal, resultando em um desfile lindamente brilhante. As formas crescentes apareceram em peso, nos enormes alfinetes das jaquetas, nas curvas das roupas ou no formato das clutches. Novas formas foram criadas e Giorgio explicou sua “calças ergonômicas”: forma justa com um bootcut exagerado acima dos sapatos. O conceito das roupas justas não parou por aí, já que as jaquetas tinham mangas estreitas e as saias apareceram grudadas às coxas. As roupas elegantes estiveram mais presentes que nunca, personificadas pelo cabelo penteado para trás e pelos vestidos pretos de um ombro só. Vestidos grossos adornados por joias amplificaram as peças tão bem esculpidas. Foi mais um grande desfile de Giorgio.

Zoe Garton

Written by Zoe Garton

Zoe Garton was one of the first contributors to the Catwalk Yourself project. She has a fervour for fashion and graduated with a BA (Hons) in History at University College London. Zoe is responsible for our Ready-to-Wear and Haute Couture sections.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>