Jean Paul Gaultier

Primavera/Verão 2012 – O concurso de beleza começou. O elenco de modelos adentrou a passarela com números nas mãos, enquanto o alto-falante explicava os hobbies das meninas. Cada modelo possuía um visual diferente e única. Primeiro, o terno risca-de-giz relido, já que bloomers substituíam as calças e às camisas foi dado um toque assimétrico, com botões percorrendo de um ombro a outro, mostrando fragmentos de pele. Roupas soltas vieram em seguida: tops vestidos sobre calças harem e vestidos que desciam em cascata até o chão. Vestidos esvoaçantes eram instantaneamente esculpidos ao redor da cintura com a assinatura de JPG: os espartilhos e cintos corset. Foi uma coleção estranha, sem um tema específico para as roupas, com tops até os quadris com calças e uma variedade de joias que iam de correntes nos narizes até miçangas africanas. Foi uma colaboração entre estilos, que talvez possa dar um estilo para todo mundo.

Zoe Garton

Written by Zoe Garton

Zoe Garton was one of the first contributors to the Catwalk Yourself project. She has a fervour for fashion and graduated with a BA (Hons) in History at University College London. Zoe is responsible for our Ready-to-Wear and Haute Couture sections.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>